Seja em vindo o que vier por bem ^^

Livro: Vivian contra o apocalipse


Vivian Apple de 17 anos e sempre foi uma daquelas garotas certinhas que pensava como os outros. Mas isso foi antes.
Agora que os Estados Unidos foi tomado por um culto extremamente persuasivo, climas confusos, epidemias e ondas de calor, tudo isso só reforça a ideia de que o Arrebatamento vai acontecer, e aqueles que seguirem o Livro de Frick, estará a salvo no reino do céu.
Quando milhares de pessoas, inclusive seus pais, parecem ter desaparecido misteriosamente após a data da profecia do Arrebatamento, Vivian decide que chegou a hora de ser audaciosa. Este pode ser o fim do mundo, mas ela não quer um salvador. Ela quer respostas.
E juntamente com Harp, sua melhor amiga, Peter, um garoto misterioso que tem os olhos mais azuis do mundo e mais a frente, Eddie, uma garota que foi "deixada para trás", os quatros embarcam em uma aventura pelo ESTADOS UNIDOS em pleno pré apocalipse, enfrentando eventos climáticos bizarros, gangues de religiosos fanáticos e vingativos e um estranho grupo de adolescentes chamado "Novos Orfãos".

“Eu não quero mais ser dócil. Quero ser implacável.” 
O livro dá a ideia de um apocalipse fora do clichê. Quando pensamentos em fim do mundo, geralmente vem em nossa mente algo como zumbis, doenças, inundações ou matanças, Vivian contra o apocalipse sai desse clichê e fala sobre religiosidade, dando múltiplas formas de interpretar essa idéia. Os personagens são únicos e com caracteristicas marcantes.
Peter, o garoto misterioso dos olhos mais azuis do mundo, mesmo não sendo tão aberto ele é daqueles personagens que você sente uma certa queda.
Vivian, a garota que podemos ver sua evolução na historia, deixando de ficar no conforto e ser certinha, preferindo ir enfrentar seus medos e buscar as respostas que precisa.Sendo audaciosa.
Harp, a garota que é louca por festas e que, apesar de sua personalidade simpática e divertida, tenta esconder suas mágoas e sofrimentos.
Eddie, a garota meiga que se dá bem com crianças e dá conforto aos demais.
“Universo, me transforme na heroína da minha própria história.”
Um livro nem incrivel, nem ruim. No geral, eu recomendo pra quem quer passar o tempo.
Confira o PDF na biblioteca